Category Archives: Random

PostgreSQL no Ubuntu 11.04

Com a necessidade de instalar o PostgreSQL no Ubuntu para montar o ambiente para um novo projeto, tentei seguir os passos normais da distro. Abrir o Synaptic e procurar pelo PostgreSQL. Ai veio o primeiro problema: O Ubuntu 11.04 só tem disponível o PostgreSQL 8.4.8 para instalação! Como a instalação via Synaptic geralmente é rápida, tudo bem. PostgreSQL 8.4.8 instalado. Ai veio o segundo problema: O servidor não sobe! Fuçando na internet, encontro a “muito pouco animadora” notícia, que a instalação do PostgreSQL 8.4 par o Ubuntu 11.04 está com problema (Bug #776940).

Após desistalar todos os pacotes do PostgreSQL a solução é baixar direto do site oficial. Baixado o pacote postgres-9.0.4-1.i386.openscg.deb, a instalação é tão simples quanto dar um duplo clique no arquivo baixado. Salvo um Warning devido aos endereços de e-mail dos criadores do pacote. Demais configurações iniciais podem ser encontradas no tutorial.

Outra opção é baixar o instalador gráfico no endereço, porem ele não integra aos sistemas de pacote das distros, ou seja, para desinstalar tem que executar o Uninstall, se este for criado, ou apagar tudo na mão.

Share Button

Profissionais com ferramentas amadoras

Com base no post Give your programmers professional tools do blog Zen and the Art ofProgramming e em vários posts do blog Efetividade.net, percebi que as empresas ligadas a TI, mais especificamente ligadas a desenvolvimento de softwares e sistemas, trata seus profissionais de forma não tão profissional.

Quando falamos em ferramentas profissionais, a grande maioria de nós logo pensa em processos modernos, frameworks da moda, IDEs cheias de plugins e outras parafernálias relacionadas a software e nos esquecemos do essencial antes disso tudo: o hardware! Porém, neste ponto mais uma vez, pensamos de forma simplista e equivocada, pois logo nos vem a cabeça o computador com N núcleos e X GB de memória, nos esquecendo totalmente de onde iremos passar 8, 10, 12 horas diárias trabalhando.

Mobiliário inadequado, iluminação precária, ambiente barulhento e temperatura desregulada são alguns dos problemas que a grande maioria das empresas desprezam, ou se esquecem na hora de produzir a “solução perfeita” para os seus clientes.

Comparando o desenvolvimento de software com outras áreas por onde me aventuro de forma amadora, as cifras são absurdamente diferentes. Enquanto no ciclismo profissional brasileiro e sul-americano, não é difícil encontrarmos bicicletas de 15, 20, 30 mil reais, e no mercado da música é muito comum vermos músicos freelancers com instrumentos de 5, 10, 15 mil reais, sem contar o resto do equipamento de ambos mercados, no mercado “profissional” de desenvolvimento de software os gestores acham um absurdo “gastarem” 400, 500 reais com cadeiras de boa qualidade, ou mesmo 4, 6 mil reais com computadores mais potentes ou mesmo 1 mil reais com monitores lcd de alta resolução para os desenvolvedores.

O grande problema é que muitos empregadores de TI se esquecem, ou não enxergam, que gastos com equipamentos de boa qualidade é investimento em motivação e qualidade de vida para os profissionais que eles empregam. E que motivação e boas condições de trabalho são alguns fatores que influenciam no sucesso de projetos.

Share Button

1º post de 1º de Janeiro de 2010

O ano de 2009 foi um ano muito corrido, com muito pouco tempo para postar no Blog. Mas mesmo assim foi um bom ano.
Espero que o ano de 2010 seja muito melhor! Ainda estou pensando em que assuntos focar aqui no Blog. Infelizmente saí um pouco do mundo Linux, ainda utilizo e continuarei usando e defendendo o Software Livre. E já que estou focado no mundo Java, este é o primeiro assunto que vem na minha mente.

Começo o ano trabalhando muito e me preparando para mais uma certificação! Este pode ser um ótimo assunto para os próximos posts.

Que 2010 seja um ano muito produtivo e recompensador para todos!

Share Button