Monthly Archives: March 2008

VirtualBox no Slackware 12

A pouco tempo instalei e configurei o Windows XP em uma máquina virtual, utilizando o VirtualBox. Como muitas pessoas me perguntam da dificuldade de instalar aplicativos no Slackware, por este não ter gerenciadores de pacotes como o apt-get e o yum, resolvi compartilhar as dificuldades (?!) da instalação e configuração do VirtualBox no Slackware 12.

Download

O primeiro passo consiste em fazer o download do VirtualBox, no endereço: http://www.virtualbox.org/wiki/Downloads

1. Escolha a verão já compilada clicando no link Binaries (all plataforms).
2. Na próxima tela escolha a versão Linux i386, concorde com o termo de licença e clique em Continue.
3. Agora, basta clicar com o botão direito no link VirtualBox_1.5.6-1_Linux_x86.run e salvar em qualquer lugar de sua escolha.

Instalação

O segundo passo consiste na instalação do VirtualBox.

1. Como root entre do diretório onde o instalador foi salvo e de permissão de execução para ele com o comando:
chmod +x VirtualBox_1.5.6-1_Linux_x86.run
2. Execute o instalador com o comando:
./VirtualBox_1.5.6-1_Linux_x86.run
3. Para finalizar, inclua seu usuário, ou o(s) usuário(s) que ter[á|ão] permiç[ão|ões] para utilizar o VirtualBox.
3.1. Esta etapa pode ser feita ao modo tradicinal, editando o arquivo /etc/groups (de preferência utilizando o vi) e incluindo o(s) usuário(s) no grupo vboxusers. Ou através de qualquer ferramenta gráfica que faça isso.

Execução

Para executar o VirtualBox, execute o comando VirtualBox em um terminal, ou crie um link para utilizar o mouse para fazer isso. 😉

Conclusões

A maior dificuldade que tive foi sem sombra de dúvidas baixar o VirtualBox certo. 😉

Antes que eu me esqueça, a configuração de uma maquina virtual é muito simples, toda realizada através de uma interface bem intuitiva. E a instalação de um Sistema Operacional na maquina virtual é idêntica a instalação de um SO em um computador normal.

Este é o resultado:
Win XP virtualizado

Share Button